Buscar
  • Gera Social

O que é a Formação em Impacto Social (FIS)

A partir da experiência prática no desenvolvimento de projeto para uma organização, desenvolva habilidades e experiências em impacto e inovação social


Lançada em São Paulo em 2017 com mais de 100 graduados e 15 organizações parceiras com quem seus estudantes desenvolveram projetos, a Formação em Impacto Social (FIS) é direcionada para aqueles que querem se aproximar do trabalho na área a partir de uma vivência prática e mão na massa, desenvolvendo habilidades, experiências e redes de contato no campo de impacto e inovação social. No Rio de Janeiro, a terceira edição da FIS terá início em 16 de abril de 2020, com aulas online.


A metodologia da FIS foi desenvolvida pelo Instituto Amani, uma escola global de inovação social, com sede em Nairobi, São Paulo e Bangalore. O Amani forma líderes de mudança com base nos valores de Coragem, Visão e Empatia para transformação social. O Gera Social é parceiro do Amani no Rio de Janeiro e surge para fortalecer o ecossistema de impacto social na cidade.


Um dos diferenciais da metodologia do Amani é o fato de os alunos trabalharem, durante a aprendizagem, no desenvolvimento de um projeto e/ou solução para uma organização sem fins lucrativos ou negócio social existente. Em cada turma, são selecionadas organizações parcerias que apresentam aos alunos desafios/problemas do seu dia-a-dia. As propostas de soluções para cada organização são desenvolvidas durante todo o curso pelos alunos.


Nesta edição da FIS-Rio de Janeiro, as organizações parceiras são a Conservação Internacional (CI-Brasil), Batuca Vidi, Anjos da Tia Stelinha e Projeto Palma. Nas duas primeiras edições, foram Laço Rosa, Abraço Campeão, Trade Social, Gastromotiva, Cieds, Apadrinhe um Sorriso e a Troca.


O currículo da FIS acompanha e costura essa jornada por meio de três pilares de aprendizagem, que orientam os alunos na construção de um projeto de impacto social com as organizações parceiras. São esses os três pilares:

Eu Impactando: conteúdos voltados para o autodesenvolvimento, alinhamento de propósito e sustentabilidade pessoal como um agente de mudança.

Caminho para Impactar: conteúdos voltados para apresentar formas que já estão sendo praticadas e comprovadamente geram impacto e trazem inovação.

Ferramentas para Impactar: desenvolvimento de ferramentas indispensáveis para aqueles que trabalhar com impacto.




FACILITADORES: EXPERIÊNCIA EM ORGANIZAÇÕES E NEGÓCIOS DE IMPACTO


O curso é formado por 10 módulos: Currículo Central (Metodologia do Amani), Comunicação Não Violenta (CNV), Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e Sistema B, Empreendedorismo social e Modelo C (Teoria da Mudança), Mobilização e Captação de Recursos, Monitoramento e Avaliação, Capitalismo Consciente, Mobilização Social, Storytelling e Finanças Sociais. A turma de facilitadores conta com profissionais com grande experiência em organizações sociais e negócios de impacto. A seguir, detalhamos a trajetória dos facilitadores.

Especialista em gestão de conflitos e CNV, com pós-graduação na Chulalongkorn University e na Cândido Mendes, Diana Bonar atuou em projetos de prevenção de violência de áreas conflagradas, como a Favela da Maré, e hoje mantém a Peace Flow, empresa responsável por cursos e treinamentos na área.

Empreendedor e inovador social, cofundador e membro do Conselho do Projeto RUAS e cofundador da Criativação Social, Murillo Sabino é fellow da Young Leaders of Americas Initiative e da The Unschools of Disruptive Design.

Debora Pio é coordenadora geral de mobilizações no Meu Rio (www.meurio.org.br). Foi editora-chefe no portal Viva Favela (www.vivafavela.com.br), uma das criadoras do Curta Vila Kennedy e integrante do Coletivo Casa de Aya, que produz atividades audiovisuais para crianças e adolescentes da Vila Kennedy.

Lara Martins coordena projetos sociais na ONG CIEDS, onde é responsável pela operação do Programa Shell Iniciativa Jovem, reconhecido em 2019 Top#5 na categoria World Top Private Business Accelerators World pelo UBI Global Index. É também fellow da Comunidade Social Good Brasil e da Valuable Young Leader 2019.

Empreendedora social, Clariza Rosa é co-fundadora da SILVA, agência de casting, produtora de moda e comunicação com foco no fortalecimento da identidade e expansão do potencial criativo do jovem de periferia.

Com 10 anos de experiência em gestão de projetos na área social e cultural, Juliana Kaiser é curadora do Fórum Planetário de Sustentabilidade. Especialista em monitoramento e avaliação, Verena Dolabella atua como consultora em negócios de impacto.

Consultora, Taiana Trajano atua no desenvolvimento de metodologias colaborativas e gestão sustentável (capitalismo consciente) em grandes corporações.

PÚBLICO-ALVO


O curso é voltado para empreendedores, intraempreendedores, estudantes, startups, empresas, OSCIPs, fundações, institutos, entusiastas e interessados em gestão de projetos de impacto e como integrar impacto social positivo a sua carreira. Pessoas de qualquer área de atuação podem participar.



Para saber mais, entre em contato com larissa@gerasocial.org

7 visualizações
Gera Social

Formamos agentes de mudança social.

Email: larissa@gerasocial.org

Telefone: (21) 999410784

Quer ficar sabendo dos nossos próximos cursos e de outros assuntos sobre impacto social no Rio de Janeiro?

Acompanhe nossas redes
  • LinkedIn - Black Circle
  • Preto Ícone Facebook
  • Preto Ícone YouTube
  • Preto Ícone Instagram

Gera Social. 2020

Gera Social